CONSERVATÓRIA


CONSERVATÓRIA

Conservatória – RJ é meio fluminense meio mineira, sua localização faz a gente ficar se perguntando: Estou no Estado do Rio de Janeiro? Afinal a cidade tem um “quê” de Minas Gerais. A "cidade" é um dos distritos de Valença e possui bonitos casarões coloniais.

Situada em uma região que foi importante produtora de café, hoje em dia,  podemos passear pelas enormes fazendas que ostentam casarões dignos de filmes de época.

Todos os hotéis, pousadas e hotéis Fazenda oferecem delicioso café da manhã, acompanhado por música ao vivo, o que faz o clima musical da cidade nunca ser esquecido.

Porém, o que chama mesmo a atenção, é a tradição das serestas. Conservatória tem música nas veias. A música apaixonada acontece durante o final de semana, desde no final da tarde de sexta até domingo. Seresteiros saem pelas ruas com seus instrumentos musicais e vão caminhando pelo centro histórico. As pessoas vão acompanhando e cantando as músicas, já que as mesmas são populares e a gente sempre sabe uma ou outra.

Túnel que Chora

Este túnel foi escavado na pedra, tem menos de 100 m de comprimento e foi feito para passar a linha férrea. Como existe uma fonte de água, esta escorre pelas pedras, o que deu nome ao lugar.

Locomotiva 206

Interessante também é conhecer a Locomotiva 206 , a qual fazia viagens pelo Vale do Café até 1935, porém com o aumento das linhas a mesma precisou ser substituída.

Mirante da Serra da Beleza

Saindo um pouco da cidade, dirigindo apenas 11 km chegamos ao Mirante da Serra da Beleza, um bonito lugar onde as montanhas onduladas são o destaque da paisagem.

Ponte dos Arcos

No caminho para o mirante não deixe de admirar a Ponte dos Arcos, também construída pelos escravos. Feita em pedra, no século XIX, foi inaugurada pelo próprio D.Pedro II.